O Guia Definitivo do Leitor de Blogs

É fato que este meio de comunicação, já consagrado, passou por altos e baixos durante a longa vida da internet, mas, mesmo assim, este vem se mantendo firme e forte como veículo de comunicação, formação de opinião, e compartilhamento de porn/músicas ilegais (ou para escrever 11 livros mesmo). Conforme o avanço da internet, os blogs deixaram de ser um serviço fechado e se tornando um veículo livre. Cada vez mais os especialistas de social media entertainment que nada sabem, vem se perguntando se os blogs “iriam resistir a criação dos podcasts, dos vlogs, dos serviços de microblogs, o site com o vídeo da minha avó dançando de biquíni na praia de Ipanema no carnaval de 1967” e qualquer outra porcaria aonde um sujeito conseguisse liberdade para falar o que viesse a sua torpe cabecinha. Ao ter acesso a uma prévia de um podcast ainda em segredo, me deparei com a seguinte questão: alguém aí nessa gloriosa internet já classificou, rotulou e ensinou a ler os diversos tipos de blogs existentes na web? Pois é com muito orgulho, queridos amiguinhos, que hoje vocês terão essa dúvida mortal resolvida. Nós do Alo PF!, temos o orgulho de apresentar o Guia Definitivo do Leitor de Blogs.

Hoje vamos ter blog

 

 

A blogsfera é uma dimensão paralela na qual vivem as maiores autoridades do ramo da blogagem marota de toda a internet. Ela é conhecida também por ser um dos locais mais hostis de toda a internet, ficado apenas atrás dos mapas de WOW, sendo prontamente seguida pelo site de microblogagem (que também é usado como rede social) Twitter.

Só se torna um membro de seleto clube da blogsfera gold quem é gordo já escreveu 11 livros, foi ao Porto Cai Na Rede, ou deu autografo para algum nerd após brigar na Campus Party. Não é membro da blogsfera gold se não fizer posts com os links mais quentes da semana nas sextas feiras desse meu Brasil varonil sem ao tiver Page Rank bom ou não receber fotos de suas leitoras com pouca/nenhuma roupa com o nome do blog/autor escrito em suas belas partes.

Dito isso, vamos começar as apresentações dos diversos blogs que por aí existem, a começar por esse que tem feito diversas pessoas emanar sons semelhantes a um “shuahsuahsuhasuhaushaushuahsskopskopskspokspokspoksposkposkapokposkpks” pela web afora, os Blogs de Humor Manolo:

Você sabe o que é um Blog?

Compostos de um humor leve, descontraído, e totalmente de raiz, os blogs de “humor Manolo” são a coqueluche do navegador internético. Suas imagens e seus vídeos de humor fazem milhares de jovens darem risadas nas tardes de sábado em frente ao PC. O que ninguém sabe, é que a maioria das imagens que ali são postadas são retiradas de sites com “chan” no sufixo do nome, blogs americanos pouco conhecidos pelo grande público e semelhantes, que são postadas após serem devidamente traduzidas e receberem a logo do blog

Poucos sabem, mas a grande maioria dos autores deste tipo de blog é órfã do quadro “os melhores vídeos da web”, que outrora passaram no Domingo legal. Após serem abandonados, os “zuões” foram para a web e criaram um novo modo de propagar a diversão e a alegria através de seus monitores CRT de 17’’.

Os comentários nesse tipo de blog se resumem a altas risadas, geralmente semelhantes a “kospkospkpsokspokspokspokshsuhsaushaushuhaushaushauhusahuahauhauhauahuahauhauha cara você é um gênio”. Não espere nada maior que isso, você não encontrará. Espalhe todo o conteúdo desses blogs para os seus amigos nos mensageiros instantâneos nos quais você estiver cadastrado, se tiver um blog, faça links para os posts que lá você encontrar, e não se esqueça: o dono do blog de humor Manolo geralmente é a pessoa mais genial do mundo (na sua insignificante opinião).

Só feras

No próximo texto da nossa série de textos sobre blogs: o que você pode encontrar pelas páginas lotadas de imagens e poesia do Tumblr.

Pela boa utilização dos memes de intenet

A cúpula diretora do Alo PF!, em associação com o 4chan, Tumblr, Twitter, SDFI (Sindicato dos Fóruns de Internet), e o site Know Your Meme vem por meio desta informar, os senhores navegadores da internet, da sanção da Norma 434 que visa tratar da criação, divulgação e utilização de memes internéticos a partir da zero hora do dia 05 de Fevereiro de 2011.

A partir das zero hora do referido dia, todos os memes a serem criados deverão seguir tais regras.

Eis aqui os quatro artigos fundamentais da Norma 434:

1. Todos os memes criados deverão passar por uma Comissão Julgadora formada por especialista em memética na qual será decidida a capacidade do meme de se expandir até onde o universo os tampa. A mesma Comissão Julgadora também devera classificar o memes de acordo com as regras de classificação a serem citadas em breve;

2. Os memes que passarem pela Comissão Julgadora e forem aceitos como passíveis de uso somente deverão ser utilizados por aqueles que habitam os locais aonde ele fora criado (local no qual os mesmos deverão ser usados);

3. O uso do memes é livre para todos aqueles que “frequentam” os meios nos quais os memes foram criados. Caso contrário, o usuário deverá pagar cinco internetes por mês para ter acesso a uma conta silver de utilização dos memes, que da ao usuário o direito de utilizar o meme seis vezes ao dia. Caso o usurário deseje adquirir uma conta gold com direito de uso ilimitado* dos memes, ele deverá clicar neste link;

4. Aqueles que não seguirem as regras anteriores deverão pagar multa de 12 internetes, ganhar cinco pontos na carteira de navegador internético e três horas de suspensão dos seus serviços de acesso a internet.